Início » Destaque » Adeus ao Mestre
Crédito foto: blogdajaciarafernandes

Adeus ao Mestre

O jornalismo nos proporciona conhecer pessoas que, talvez, jamais teríamos a oportunidade. Conheci Mestre Manuel Eudócio ainda na minha juventude, quando dava meus primeiros passos na profissão, no Jornal Vanguarda. Timidez, simplicidade e talento sempre foram características marcantes no artista. De lá para cá, vez por outra lá estava eu no ateliê dele entrevistando-o. Foram inúmeras vezes e não recordo de quando ele parou para conversar. As mãos ágeis e o poder da palavra sempre eram bem conciliados. Há seis anos, o mestre resolveu brincar de voltar a ser criança e produziu duas peças iguais ao tempo em que não tinha quase nenhuma técnica. Tive a sorte de adquiri-las e hoje fazem parte do meu singelo acervo. Eu estava na companhia de Wellington Holanda quando explicou que retratou ele mesmo brincando de carrinho e de bicicleta. Meses depois ele telefonou comunicando, feliz da vida, que havia concluído o “Memorial Manuel Eudócio”, em área anexa ao ateliê. Foi uma alegria só! Soube da sua lamentável partida já na madrugada deste domingo, através do blog do meu amigo, o jornalista Mário Flávio. O artesão soube escrever com maestria sua história no livro da vida.

Curta e Compartilhe!
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial

Powered by themekiller.com anime4online.com animextoon.com apk4phone.com tengag.com moviekillers.com